Bonito (Brasil) – Episódio 07 – Barra do Sucuri, Buraco das Araras e Abismo Anhumas

Chegamos ao sétimo episódio da nossa mini-série em Bonito, no Mato Grosso do Sul. E isso quer dizer uma coisa: nós gostamos MUITO desse destino. Nessa terceira viagem pra lá, nós fizemos mais 8 passeios e visitamos excelentes restaurantes. Então, nesse episódio vamos mostrar algumas atrações imperdíveis, além de uma dica de onde se hospedar por lá. Se ajeita aí na cadeira e confira nossas dicas desse paraíso do ecoturismo no Brasil.

1) Barra do Sucuri

A chuva que caiu na região nos dias anteriores subiu o nível do rio, mas não afetou quase nada na visibilidade dentro d’água. O passeio começa com uma trilha que leva até o rio. Lá você entra num barco que leva o grupo até uma plataforma de madeira, onde a flutuação de fato começa.

Não podíamos perder a oportunidade de fazer umas imagens aéreas do Rio Sucuri cristalino cortando a mata. Então, botamos nosso drone pra voar. Dá uma olhada em algumas das imagens que fizemos por lá.

Bom, depois de sobrevoar o rio, chegou a hora de botar o snorkel e conhecer o mundo submerso. A sensação é de estar dentro de um aquário gigante, com muita vegetação e diversas espécies de peixes, que parecem nem se incomodar com a presença dos humanos por lá.

2) Buraco das Araras

Com duração de aproximadamente 1h20, o Buraco das Araras é um passeio mais contemplativo. Os grupos de, no máximo, 12 pessoas são acompanhados por um guia que conta os detalhes do local.

A dolina é essa formação geológica resultante do desmoronamento de diversos blocos rochosos. Pra observar os bichinhos em seu habitat natural há dois mirantes nas extremidades da enorme cratera – são 500 metros de comprimento por 100 de profundidade. E lá você não vai ver só araras. Há mais de 150 espécies de aves, além de outros animais como cutia, quati e até mesmo um casal de jacarés que vive no fundo do buraco.

3) Abismo Anhumas

Se você nunca fez rapel da vida e não sabe se vai conseguir encarar o desafio, não precisa se preocupar: no dia anterior você vai passar por um teste, descendo e subindo um rapel de 8 metros na sede da atração, lá perto do centro de Bonito.

Foi aprovado? Então aí começa a diversão. Chegue no horário, coloque os equipamentos e se prepare para uma das maiores emoções da sua vida. Logo na descida, depois de uns 10 metros, você já vai ter uma noção do que te espera: uma enorme e milenar caverna alagada. Chegando lá embaixo, deixe sua pupila se acostumar com a escuridão e aí é só curtir essa esplêndida obra da natureza.

Há duas opções de atividade: flutuação ou mergulho. Nós fizemos a flutuação e como o ambiente é bem escuro, não deu pra captar muitas imagens subaquáticas. É, na verdade, foi até bom, assim não damos nenhum spoiler e você fica com mais vontade de conhecer tudo isso pessoalmente.

Como tudo que é bom dura pouco, depois de umas 4 horas o passeio chega ao fim e é hora de subir os 72 metros. Feita pela mesma corda, a subida requer bem mais esforço físico. E se a descida leva de 5 a 10 minutos, se prepare para levar pelo menos o dobro pra subir. É cansativo, mas assim que você estiver em terra firme de novo, terá certeza de que acabou de ter uma das experiências mais incríveis da sua vida.

Bônus: Ateliê Taboa + Taboa Bar

Antes de ir pra Taboa Bar, demos uma passadinha no Ateliê da marca. Lá, você vai conhecer um pouco da história do bar mais tradicional de Bonito, além de, claro, degustar a enorme variedade de cachaças produzidas na fábrica.

Há também uma área destinada ao artesanato, uma vez que o atrativo emprega jovens locais, dando a oportunidade de desenvolvimento profissional. O Sidão se empolgou e até arriscou um bonequinho do 3em3!

E como ninguém é de ferro, de lá fomos pro Taboa Bar. Pedimos algumas porções, deliciosas por sinal, e ficamos curtindo a noite bonitense, claro, com a companhia de algumas caipirinhas!

Dica de Hospedagem: Hotel Pousada Águas de Bonito

Não tem nada melhor do que voltar de um dia cheio de atividades e encontrar um ambiente agradável e acolhedor. Dá pra aproveitar a piscina, curtir um spa, ir pra academia ou simplesmente se deitar no redário e tirar um cochilo.

Sem falar do restaurante Encontro das Águas que fica dentro do complexo e serve a deliciosa Merenda Pantaneira no meio da tarde. Vindo pra Bonito, não pense duas vezes, escolha o Águas de Bonito. Temos certeza de que você não vai se arrepender.

Comentários

Local: Bonito, Brasil
Sobre o Autor
- Formado em Publicidade e pós-graduado em Marketing, descobriu o gosto por viajar em 2009, após fazer um curso de Planejamento Estratégico na Califórnia. De lá pra cá, transformou a vida em uma partida de War e já conquistou 27 países. Em 2013, deu início ao projeto Destinos Imperdíveis.