Bariloche (Argentina) – 3 atrações em 3 minutos

É difícil não associar temporada de neve à Bariloche. Não é pra menos: a cada ano, cresce o número de brasileiros que visitam a cidade argentina em busca de diversão. Até por isso, o local ganhou o apelido de Brasiloche!

E ser Top of Mind quando o assunto é neve tem seus motivos: Bariloche tem atrações e passeios para todos os gostos, bolsos e, o melhor, para todas as idades. Engana-se quem acha que a cidade só é um destino bacana para quem gosta de esquiar. Confira as 3 atrações que visitamos e nos diga se não temos razão.

1) Cerro Catedral

O Cerro Catedral é o principal e mais completo centro de esqui não só de Bariloche como de toda a Argentina. Seu nome se deve ao formato dos cumes que parecem formar um templo medieval. São cerca de 600 hectares de superfície esquiável dividida em 53 pistas bem sinalizadas e de diversas dificuldades.

Cerro Catedral

Para quem nunca esquiou, há diversas escolas que oferecem pacotes de horas/aula + equipamentos na base da montanha. E os valores costumam variar bastante de uma escola para a outra. Se você estiver em grupo, tente barganhar e conseguir um valor mais em conta. Geralmente, os instrutores ensinam os movimentos básicos numa superfície praticamente plana e depois levam o grupo para treinar no pé da montanha.

Cerro Catedral

Os tickets que dão acesso à montanha podem ser comprados em pacotes (com opções de 2 a 30 dias) ou diário (metade do dia ou dia inteiro). É bem recomendável o passe para o dia todo, já que é necessário contar o tempo necessário para a subida de teleférico, prováveis filas, a duração da descida, entre outros.

Os equipamentos também podem ser alugados na base da montanha, porém por valores mais elevados do que no centro da cidade. É o preço que se paga por não ter que levar o equipamento embora depois de um dia exaustivo esquiando e se divertindo na neve.

Cerro Catedral

O Cerro Catedral está a cerca de 20 km do centro de Bariloche e a forma mais barata de chegar na estação de esqui é com o serviço de ônibus (linhas 50 e 51) que passa a cada 30 minutos em vários pontos da cidade.

Horário de funcionamento: das 9:00hs a 17:00hs.
Preço: adulto paga entre 525 pesos na baixa temporada e 780 pesos na alta temporada.
Site: http://www.catedralaltapatagonia.com/

2) Piedras Blancas

O Piedras Blancas é diversão garantida para famílias e grupos de amigos. Lá, o esqui e o snowboard dão lugar ao trineo, espécie de trenó usado para a prática do esquibunda. A atração fica em uma das faces do Cerro Otto e está a apenas 5 km do centro. Porém, não há transporte público que vá até o local, sendo necessário ir de carro próprio, taxi ou com os remis, que são uma espécie de taxi especial.

Cerro Otto

São 5 pistas diferentes e o pacote com trineo dá direito a 6 descidas, sendo possível descer uma vez em cada e repetir a pista predileta. Roupas e luvas impermeáveis são essenciais para esse passeio. Como as curvas são feitas com o movimento das mãos do gelo, uma luva resistente é mais do que necessária. Alguns estabelecimentos também alugam o kit de macacão + bota, que é a roupa ideal para a prática do esporte, já que evita que a neve entre por baixo das roupas.

Piedras Blancas

A vista lá do topo do Cerro Otto é de tirar o fôlego. Separe alguns minutos antes de alguma das descidas para contemplar e tirar algumas fotos do lago Nahuel Huapi e da cidade vista de cima.

Horário de funcionamento: das 9:00hs a 17:00hs.
Preço: o pacote com trineo sai entre 390 pesos na baixa temporada e 470 pesos na alta temporada. Valores para adultos.
Site: http://www.piedrasblancasbariloche.com

3) Rota dos Sete Lagos

Para aqueles dias em que o corpo não aguenta mais fazer esporte, há uma alternativa de passeio bem interessante: a Rota dos Sete Lagos.

Rota dos Sete Lagos

Com vistas deslumbrantes, a van sai bem cedo do centro de Bariloche, passa por sete lagos incríveis, faz uma pequena pausa na Villa La Angostura e chega finalmente à aconchegante cidade de San Martin de Los Andes. Dá tempo de almoçar e dar uma volta rápida nas redondezas antes de voltar para a van.

San Martin de Los Andes

O passeio é muito recomendado para quem gosta de apreciar belas paisagens e leva praticamente o dia todo. Durante o verão, os lagos e montanhas ficam ainda mais exuberantes.

Preço: a partir de 700 pesos.
É necessário reservar com 1 ou 2 dias de antecedência.

Bônus

Separe um fim de tarde para curtir o pôr do sol no lago Nahuel Huapi. Ali você vai encontrar turistas e moradores da cidade reunidos para contemplar esse fantástico fenômeno da natureza.

bariloche_nahuelhuapi

Comentários

Sobre o Autor
-

Formado em Publicidade e pós-graduado em Marketing, descobriu o gosto por viajar em 2009, após fazer um curso de Planejamento Estratégico na Califórnia. De lá pra cá, transformou a vida em uma partida de War e já conquistou 27 países. Em 2013, deu início ao projeto Destinos Imperdíveis.